Posição 1 da cabeça1ª Posição da Cabeça    

  • Olhos: visão, glaucoma, catarata, lesões irritações e pálpebras;
  • Nariz: rinite alérgica, carne esponjosa, desvio do septo, congestão respiratória;
  • Boca: maxilares, mandíbula, gengivas, dentes;
  • Cabeça: sinusite, dores de cabeça, enxaqueca, derrames, alergia, resfriados e asma;
  • Equilibra a glândula pituitária, também chamada hipófise. A glândula pituitária tem como a principal função equilibrar os sistemas do corpo e envia sinais para as outras glândulas, fazendo-as trabalhar conforme seu comando. A glândula pituitária é a mestra do sistema endócrino, influenciando no crescimento, fadiga, gravidez, lactação, metabolismo, dosagens de açúcar no sangue, retenção de fluidos e níveis de energia;
  • Equilibra a glândula Pineal, também chamada epífise. Localizada na base do crânio, é muito pequena e responde aos estímulos de luz que os olhos percebem, graças à secreção do hormônio melatonina. Tem grande importância no estado de ânimo, diz-se que é a glândula da intuição ou da paranormalidade;
  • Alivia a confusão mental, equilibrando as idéias, dando objetividade e claridade aos pensamentos;
  • Diminui o estresse, ansiedade, relaxamento a nível neurológico, aumenta a concentração;
  • Equilibra o chakra frontal, Favorece a meditação e a devoção espiritual;
  • Trabalha no sentido de equilibrar e direcionar as emoções, controlando a atividade em excesso;
  • Age no sentido de permitir a nossa transformação ao nível da consciência, direcionando-a para o interior, aumentando nossa sabedoria e liderança.Posição 2 da cabeça

2ª Posição da Cabeça

  • Trabalha no cérebro, equilibrando os dois hemisférios, auxiliando na criatividade, pensamentos e memória;
  • Também ajuda no equilíbrio das glândulas hipófise e pineal;
  • Atua na disritmia cerebral, convulsões e aneurismas;
  • Auxilia rapidamente pessoas alcoolizadas ou drogadas;
  • Reduz estado de histerias e estresse, depressão, angústia, medo e pânico.
  • Trabalha doenças mentais como: psicoses, neuroses e esquizofrenia
  • Auxilia a lembranças de sonhos e vivências (insights);

Posição 3 da cabeça

3ª Posição da cabeça

  • É uma posição que trabalha o cerebelo, a medula espinhal, agindo na coordenação motora e no equilíbrio;
  • Diminui a tensão no pescoço, regula o sono, problemas com a fala e a gagueira;
  • Regula o peso e a fome, vícios, compulsão;
  • Atua em estados de choque, coma, desmaios, traumas;
  • Dá tranqüilidade, clareando os pensamentos e idéias, melhorando a expressão.
  • Estimula e aumenta a percepção intuitiva, expandindo a visão interior, abertura do terceiro olho, instintos.

Posição 4 de cabeça

4ª Posição de cabeça

  • Tem ação sobre a garganta, amídala, tireoide e paratireoide, age também sobre o metabolismo;
  • Trabalham maxilares, mandíbulas, amídalas, garganta e faringe, glândula salivar, equilibra a pressão sanguínea;
  • Centro da expressão, criatividade e comunicação, neutraliza emoções como raiva, hostilidade, ressentimentos, nervosismo e medo do fracasso;
  • Devolve a auto-estima e autoconfiança, calma, senso crítico; dá tranqüilidade, aumentando o sentido de bem estar;
  • Trabalha o chakra laríngeo;

As quatro posições acima devem sempre ser feitas pela manhã e a noite, principalmente nos primeiros 21 dias após a iniciação.

Posição 1 da frente

1ª Posição do Tronco (Frente)

  • Sendo o centro energético do corpo, aumenta a energia do coração, pulmões, traqueia, drenagem linfática e timo, agindo diretamente no sistema imunológico;
  • Trabalha emocional diminuindo os sentimentos de raiva, ressentimentos, amargura e hostilidade;
  • Acalma, dá tranqüilidade, aumenta a serenidade, felicidade; amor incondicional, harmonia, felicidade;
  • Trabalha o chakra cardíaco, centro receptor e doador da energia;

Posição 2 da frente

2ª Posição do Tronco (Frente)

  • Estimula o aparelho digestivo melhorando seu funcionamento, agindo sobre o fígado, baço, vesícula, pâncreas e estômago;
  • Essa posição é muito importante nos períodos que enfrentamos mudanças difíceis na vida, faz com que aceitemos melhor;
  • Gera serenidade, relaxamento e clareza de pensamento, com a harmonização dos pensamentos, nossos órgãos digestivos funcionam melhor;
  • Equilibra o chakra do plexo solar, aumentando nossa gratidão, nossa interação com as outras pessoas;
  • Ajuda a promover a abertura para receber as energias de planos superiores. Centraliza o equilíbrio interior.

Posição 3 da frente

3ª Posição do Tronco (Frente)

  • Age na parte baixa do fígado, vesícula biliar, baço e pâncreas, bexiga, sistema reprodutor (ovários, útero, trompas), intestino delgado, duodeno e cólon;
  • Essa posição por mais estranha que pareça, ajuda a tratar a depressão, frustrações, amargura, repressão das emoções. Melhora a auto-estima e autoconfiança;
  • Equilibra o chakra umbilical;
  • Promove o poder e a força pessoal, equilibrando o interior.

Posição 4 da frente

4ª Posição do Tronco (Frente)

  • Trabalham na vesícula, intestinos, ovários e útero, próstata, órgãos sexuais, age como controlador da diarreia;
  • Torna os pensamentos mais flexíveis liberando os padrões inibidores;
  • Promove a criatividade, combate a ansiedade;
  • Melhora a expansão da consciência universal ampliando as perspectivas;
  • Equilibra o Chakra Básico.

Posição 1 das costas

1ª Posição nas Costas

  • Atua melhorando a tensão no músculo trapézio e também nos problemas da coluna tais como cifoses, escolioses, lordoses;
  • Trabalha no sistema nervoso, problemas com os pulmões e doenças alérgicas;
  • Ajuda promovendo a auto-estima e melhorando a autoconfiança. Cria uma estabilidade emocional mais serena;
  • Age reduzindo o estresse, visa o relaxamento, aliviando as tensões e aumenta a flexibilidade;

Posição 2 das costas

2ª Posição das Costas

  • Estimula o aparelho digestivo melhorando seu funcionamento, agindo sobre o fígado, baço, pâncreas e estômago.
  • Essa posição é boa para tratar os pulmões e acalmar a pessoa.

Posição 3 das costas

3ª Posição das Costas

  • Trabalham nos mesmos órgãos que a parte da frente. Fígado, vesícula biliar, baço e pâncreas, glândulas supra-renais e rins.
  • Também trabalha o chakra do plexo solar que tem seu vórtice na altura em que você consegue colocar a mão.

Posição 4 das costas

4ª Posição das Costas

  • Trata as mesmas posições que na parte da frente, mas tem um diferencial que é quando você coloca as duas mãos sobrepostas na altura do osso sacro, e mantém a posição por um tempo, ajuda aliviar dores na coluna.

Posição dos pés

Posição dos pés

  • Ao tratar dos pés, estaremos tratando todas as regiões do corpo, como na reflexologia podal, onde cada parte do corpo tem seu reflexo no pé. Energizando os pés, facilitamos o desbloqueio dos canais energéticos, facilitando o fluir da energia vital de baixo para cima. O ideal é terminar a sessão de Reiki pelos pés, para que o receptor saia mais desperto e aterrado.

(Fonte: Parte integrante da Apostila Nível-1 de Reiki – Mestre Cristina Quadros)